Voltar

DIÁLOGOS ÍMPARES #16 — Colecionadores, naturalistas e os Museus de História Natural

4
EXTENSÃO DO ROMANTISMO

Vista da exposição “Metamorfoses, Imanência Vegetal, Mineral e Animal no Espaço Doméstico Romântico”; Extensão do Romantismo. © Rita Roque

No passado, colecionar insetos era um passatempo que servia muitas vezes como ponto de partida para uma atividade naturalista que levava ao estudo da fauna de uma região ou país e culminava na publicação dos resultados dessa pesquisa. Nesta sessão apresentam-se algumas das coleções entomológicas do Museu de História Natural e da Ciência da Universidade do Porto, elaboradas por colecionadores e naturalistas amadores, que dão o mote para uma conversa sobre a contribuição científica gerada pelos colecionadores e pelas suas coleções.

 

José Manuel Grosso-Silva (doutorado em Biologia, U.Porto) é o curador de Entomologia do Museu de História Natural e da Ciência da Universidade do Porto, responsável pela gestão, conservação e divulgação das coleções de artrópodes. Faz investigação há mais de 25 anos e é autor de mais de 80 artigos científicos, de capítulos de livros e de artigos de divulgação. Paralelamente, realizou numerosas atividades de comunicação de ciência e educação ambiental, como palestras, workshops e cursos, orientou percursos exploratórios em múltiplos eventos e locais e foi responsável pela componente entomológica em diversos “Bioblitz”.

 

Inscrições

A participação é gratuita e requer inscrição prévia através de preenchimento de formulário. Mais informações através do email mdc.educativo@cm-porto.pt ou (+351) 226057000.
Limite de 40 participantes.

 

ENDEREÇO

Rua de Entre-Quintas, 220 4050-240 PortoLocalização

AUTOCARRO

200, 201, 207, 208, 300, 301, 302, 303, 501, 507, 601, 602, 801

ESTACIONAMENTO

Palácio de Cristal